• Urgtec

Seu laboratório oferece a segurança necessária para seus funcionários?




















Todo ambiente deve fornecer segurança para seus funcionários, mas como garantir a segurança no seu laboratório? Existem 3 principais pontos que devem ser levados em consideração para manter seu laboratório seguro.


Mesmo que sejam laboratórios de diferentes funcionalidades e tamanhos, os pontos se mantém importantes.


1. Quais os ricos do seu trabalho?


É necessário que todo laboratório tenha um mapa de riscos, informando quais áreas são mais propícias a acontecer acidentes. Na maioria das vezes o método mais utilizado é utilizar uma planta baixa simplificada e marca-la com círculos coloridos, representando os riscos, facilitando a elaboração de medidas preventivas.


Existem vários tipos de riscos: Biológicos, Químicos, Ergonômicos e Físicos que devem ser identificados e classificados com a probabilidade de ocorrerem.


Riscos Biológico


São considerados riscos biológicos: vírus, bactérias, parasitas, protozoários, fungos e bacilos. Os riscos biológicos ocorrem por meio de microorganismos que, em contato com o homem, podem provocar inúmeras doenças.


Riscos Químicos


É o perigo a que determinado indivíduo está exposto ao manipular produtos químicos que podem causar-lhe danos físicos ou prejudicar-lhe a saúde. Os danos físicos relacionados à exposição química inclui, desde irritação na pele e olhos, passando por queimaduras leves, indo até aqueles de maior severidade, causado por incêndio ou explosão. Os danos à saúde pode advir de exposição de curta e/ou longa duração, relacionadas ao contato de produtos químicos tóxicos com a pele e olhos, bem como a inalação de seus vapores, resultando em doenças respiratórias crônicas, doenças do sistema nervoso, doenças nos rins e fígado, e até mesmo alguns tipos de câncer.


Riscos Físicos


Consideram-se agentes de risco físico as diversas formas de energia a que possam estar expostos os trabalhadores, tais como: ruído, calor, frio, pressão, umidade, radiações ionizantes e não-ionizantes, vibração, etc...


Riscos Ergonômicos


Os riscos ergonômicos podem gerar distúrbios psicológicos e fisiológicos e provocar sérios danos à saúde do trabalhador porque produzem alterações no organismo e estado emocional, comprometendo sua produtividade, saúde e segurança, tais como: cansaço físico, dores musculares, hipertensão arterial, alteração do sono, diabetes, doenças nervosas, taquicardia, doenças do aparelho digestivo (gastrite e úlcera), tensão, ansiedade, problemas de coluna, etc.


2. Regras e normas de funcionamento


Após se certificar das áreas de riscos no seu laboratório, é possível estabelecer regras e normas para a realização das funções de seus funcionários, priorizando sua segurança e resultados.


3. Sinalização


A sinalização do seu laboratório deve ser de fácil interpretação e visível para todos os seus funcionários. Dentre as principais sinalizações se encontram as Sinalizações de Emergência, Segurança, Obrigação e Proibição. Que será abordado no próximo artigo.



Fique de olho, os cuidados a serem tomados em seu laboratório não são poucos!




Urgtec Software para Protéticos

© 2020  copyrights by Urgtec LTDA

Parceiros

Siga-nos nas redes sociais

  • Instagram
  • Facebook
  • YouTube

Rua Jaguaré, 91 - Jaguaré - São Paulo - SP

05344-030

0800-878-0045 | 11 3297-9600